terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Acidente.

A vida é um acidente, tudo é aleatório. Precisamos dar sentido?
Essas confusões quase que eternas, que são paradas pela morte. Essa que pode ser um acidente ou não.
Saber que você pode parar essa confusão a hora que quiser. Só é difícil se alimentar de coragem...
Embora seja confortante imaginar estar em descanso, longe dessa bagunça, é estranho não saber exatamente como é ao fechar os olhos de vez.

Tudo começa por um acidente e pode terminar do mesmo jeito...
As vezes com sorte eu não sentirei dor alguma.
Eu não pedi pra nascer, embora alguns insistam nessa tese idiota.
Eu não posso pedir para morrer sem que isso cause algum constrangimento, é..mas eu entendo a reação. Eu não quero que pessoas boas próximas a mim morram. Também não queria ver minha cachorrinha morrer, embora ela merecesse um descanso.
É sempre mais difícil pra quem aqui fica.
Talvez o pensamento sobre morte não seja tão natural, justamente por ser desconhecido.
Embora você acredite piamente no que pode acontecer, você não está morto. É, isso muda tudo, sim.

Talvez eu passe esse mês ileso, e é só o que espero. É meu objetivo. Não ileso de qualquer coisa, mas de algo que não ampute a pouca esperança que eu possuo. Sim, é desesperador, mas é necessário tê-la. Não é de todo mal.
Talvez eu seja apenas uma pessoa dramática que perde tempo pensando demais sobre isso. É, vivo de menos, e quando vivo nunca parece completo. Mas acho que isso faz parte do jogo: não ser completo.

Eu jamais irei acordar como uma criança ou como um adolescente que está conhecendo o mundo.
Todas as fases já morreram. Isso me faz crer que a cada dia vivido é uma morte, uma experiência adquirida sobre esse mistério e a morte de fato só vem a coroar todo esse jogo insano. Ninguém é obrigado a joga-lo, mas o medo do lado de lá nos colocam amarras, alguns chamam isso de objetivo, ou de sofrer menos.

Enquanto eu escrevo esse lixo de texto, alguém está morrendo, talvez mais morrendo do que nascendo.
Mas não está perto de mim, não ainda.
Quando eu for tocado por isso, provavelmente eu irei ficar com tanto medo, que irei enxergar as cores da vida, aquelas que eram pintadas em minhas manhãs da juventude.

Tudo ficará menos pesado, ai poderá ser tarde. Ai virá aquela aceitação.
Deve ser estranho não respirar mais. Pois isso é o básico que eu sei sobre o que irá acontecer. De resto..apenas dúvidas
Não muito diferente sobre viver.

O suicídio é uma alternativa, encontrar meios para afasta-lo, também.
Olhar a vida através de uma tela parece comum, talvez eu possa desliga-la. Talvez eu mude de canal.






Nenhum comentário:

Postar um comentário