segunda-feira, 19 de julho de 2010

27/06...



Somente eu e minhas idéias, minhas recordações, reflexões...
Lembrando de um abraço de ternura que tive em janeiro de 2006... (Pazzzzz)
Tanto respeito por ela eu tenho, que não consigo sentir raiva, nem mágoa mesmo que eu tivesse motivos para isso... E tomara que ela esteja feliz... Pois eu meus sonhos ela sempre está.
Talvez eu fique “eternamente” por aqui tentando encontrar uma razão para as perdas...
E chego a uma conclusão: Um dia seus sonhos são mais fortes do que qualquer outra coisa e não conseguimos trazer junto conosco todas as pessoas que amamos... Nada é para sempre.
Ao menos não tentamos fingir, uma relação foi cortada e fomos sinceros e fortes.
Têm sido dias e noites difíceis, quase beiro às vezes o desespero, a loucura, e por ai vai...
Sem muita criatividade, mas com muita imaginação...
Obrigado! Digo isso de coração! Você foi a mulher que mais amei e descobri que foi a única, de forma verdadeira e respeitosa.
Eu ainda sinto sua falta... Mas de uma forma diferente... Mas sinto!

Nenhum comentário:

Postar um comentário